QUEM SOU

Esse Blogue surgiu no coração de DEUS para o meu coração , foi um presente na minha vida , digamos que em uma fase de muitas adversidades em que eu estava passando e que nunca estaria escrevendo ou pelo menos pensando na possibilidade. Ele abrange tantas coisas, as nossas dúvidas,anseios,medos,mas beleza física,espiritual,intelectual e interior,fala de amor,de paz,de dores,de retorno,de perdão,superação....
A todas as mulheres que pensam que são fracas ai é que se tornam fortes ,porque é nesse momento que DEUS entra em ação com uma nova proposta nova de vida. A todas o meu carinho como mãe,mulher,profissional,cristã,culinária,decoradora,ambientalista,artista...e acima de tudo uma mulher que foi chamada para a vida no grande intuito de ser em DEUS .... uma mulher resiliente ...
Sejam Bem Vindas(os)!!!

OBS: Todas as imagens postadas em meu blogger são extraídas da internet por favor,caso alguma tenha direitos autorais me avisem via e-mail e estarei retirando-as. marcilene_gomes@yahoo.com.br.

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Quando a vida começa a ruir

Quando a nossa vida começa a ruir?
Simplismente acontece, as coisas saem do lugar, acabam,fogem,vão pra longe de seu campo de visão e de seu tato,mas mesmo assim você acha que tem como solucionar e as coisas simplismente não se resolvem, elas estaguinam, não seguem adiante.
Esses acontecimentos podem ser  uma perca,uma doença, um divórcio,uma morte.
Antes tudo que parecia ser sólido e eterno passa a ruir.
E nessas situações é que a gente se ver como o solitário da história ,de um geito meio egoista de sentir e ver as coisas e de achar que soos o unico a viver essa situação, na nossa maneira de sentir e ver as coisas e  acabamos  acreditando que o mundo para com nossa  dor.
Sem ter o que fazer e nem para onde ir ,as vezes você só chora,se acolhe em um canto mais confortável,lamenta e se isola de tudo e de todos... 
Com tantas experiências que eu passei, eu entendi que é isso ,diante dos problemas, das percas, da morte ,nós sofremos isoladamente , entendi que nascemos e morremos e vivemos sozinhos , é isso mesmo! No fundo de toda história de vida somos sozinhos, sozinhos na alma,no coração, na maneira de ser, somos individuos, a nossa forma de ver as coisas são só nossas, um só em um.. por mais que tenhámos amigos, colegas, bandos,tribos, sempre em nossas almas seremos sozinhos e por mais que as pessoas nos apoiem, por mais que as  estejam do nosso lado,nos acomodando,nos aninhando,nos dando o apoio preciso,sempre estaremos só ,principalmente em casos aonde a ruina se instalou ,e houve grandes  percas.
Por isso que por mais que possamos tentar entender a vida, o contexto dela,as situações e as pessoas inseridas,nunca iremos ver a vida verdadeiramente como ela é ,mesmo com todos os os risos ou lágrimas,ganhos ou perdas.
A minha outra descorberta é que na realidade não temos o controle sobre nada,absolutamente nada.. ( O que não é novidade para os sábios de plantão!) É como o ultimo suspiro, uma hora eu respiro, mas quem me garante que haverá uma nova respiração do tal oxigênio? A vida tem que ser vivida, da melhor maneira possível,mas como seria essa maneira? Para alguns, uma boa rodada de bebida com os amigos, uma noite de prazer , uma nova aquisição,agregação de um carro do ano,uma casa de praia , um bando de amigos, gera uma viva vida  vivida,mas nós sabemos que isso é uma grande mentira!
Viver isolado de tudo e de todos longe da civilização humana também é outra farsa,porque em nosso intimo poderemos não estar fisicamente ou estar acopanhados de milhares de pessoas e seremos somente individuos soltários em si mesmos,nas emoções,no que acreditamos .
Não sou uma pessoa pessimista pelo contrário, acredito sim em uma vida melhor ,mas como viver a vida de uma maneira mais leve, espontãnea e verdadeira?
Eu acredito que temos que buscar ser melhores a cada dia, por que o mais ou menos pode se   tornar bom e o bom poderá se tornar excelente, a vida é cheia de etapas, é como uma onda, hora alta,média ou baixa,mas ela surgirá e ai só há um jeito ,buscar ser forte.
mas o que fazer quando a vida começa a ruir? 
Procurar ver a situaçãoa sob o prisma real daquilo que houve, avaliar o que  restou e o que poderemos fazer,averigaur  qual a lição que podemos aproveitar diante do caos.
Precisamos amar a nossa vida, só que isso só será possivel se nós nos amarmos primeiro.
Podemos sim ter a experiencia de viver uma vida melhor, acreditando que só quem se ama amará a DEUS, amará ao outro.
E quem ama, não trama  mal,não inveja,não se ensoberbece, não trai,não mente, por que ele ama-se tanto a tal ponto de querer o melhor pra si  e o melhor neste caso se chama DEUS e tendo acesso a ele,posterior a isso, você gerará bons frutos e amará a todos e dentro deste amor você engravidará de sentimentos motrizes de força,determinação,coragem,fé e mesmo diante da perca, você se encontrará aponto de ajudar a quem tanto sofre mais ou como você.
A 30 dias atrás  eu perdi aos 20 anos uma linda sobrinha ,em um acidente de carro, ao dar a noticia para os meus filhos eles choravam piedosamente, o meu filho de apenas 9 anos, me disse: _Mãe porque,? poderia ter sido diferente!
A Nossa pespectiva humana é incerta quanto aos acontecimentos,pessoas,lugares,culturas e principalemnte percas.Nós na realidade nunca teremos noção exata do que é a vida E MUITO MENOS DO QUE É A MORTE, É TUDO MUITO ESTRANHO, uma hora parecemos imortal, tão cheios de presença humana,caras e bocas, donos de nosso nariz, falamos,pensamos,gesticulamos e planejamos,mas mal imaginamos que qualquer hora é chegado o nosso fim ou o fim do que achavamos ter ou ser.
E quando somos assolados pela ruina,vivemos em busca total do que se foi, do que se perdeu e em buscas dos porquês, nós vivemos assim ,sempre em busca de respostas para o que houve, planejamos ,idealizamos,sonhamos ,mas as vezes o resultado é contraditório aquilo que pensavámos.
Ao ver meu filho aos prantos devido a morte da minha sobrinha, eu não sabia o que falar porque eu estava sofrendo tanto quanto, mas sabia que precisava ajudar a nossa familia,a miha irmã.
A morte é ruim, é devastadora,confusa, ela te tirar o chão,acredito que é a  maior ruina que alguém pode sofrer, é perder aquele a quem ama.
Mas pra nossa curiosidade ,a Biblia cita que é melhor é ir à casa aonde há luto do que ir à casa onde há banquete e festa ,pois naquela se vê o fim de todos os homens e os vivos aplicam ao seu coração"(Eclesiarte 7:2), parece um paradoxo ,mas é uma grande verdade, a situação da morte nos leva a refletir que um dia chagará a nossa vez, e isso nos leva a ser benéficos ,nos esvaindo de toda soberba,orgulho,vaidade,arrogancia, a morte nos deixa curiosos quanto ao que vem depois, aonde está aquela pessoa,buscamos em pensamentos,lembranças,músicas,lugares,fotos,tudo que nos remete a este alguém que se foi e que nunca mais vai voltar, a morte nos faz pensar como será quando nos deparamos diante de DEUS,onde há luto ,há solidariedade,união,força,apoio,amor ao próximo,compaixão. 
Já  aonde há festa a alegria, existe a soberba,vaidade,falsidade. 
Eu lembro que sempre em minha casa havia muitos"amigos" em dias de festas,jantares, destes que se tem um excelente menu regado ao bom vinho e a luz de velas, mas ai surgiram os tempos dificiéis e tais "amigos " sumiram e é sempre assim.. Aonde há festa não há reflexões,as pessoas estão ocupadas demais para parar pra pensar em se tornarem melhores.
Sou de festa por ter pra mim um significado de celebração à vida,  não estou aqui dizendo que devemos ir a todo o velório porque lá é melhor,não é isso , mas sempre é bom pensarmos em nossa vida e repensarmos nossa conduta diária, portanto reflita sempre e medite na palavra que Deus tem lhe dado,pois o dia de amanhã só pertence a DEUS, então vamos celebrar a vida com entendimento antes que haja o fim.
 

TRADUTOR