QUEM SOU

Esse Blogue surgiu no coração de DEUS para o meu coração , foi um presente na minha vida , digamos que em uma fase de muitas adversidades em que eu estava passando e que nunca estaria escrevendo ou pelo menos pensando na possibilidade. Ele abrange tantas coisas, as nossas dúvidas,anseios,medos,mas beleza física,espiritual,intelectual e interior,fala de amor,de paz,de dores,de retorno,de perdão,superação....
A todas as mulheres que pensam que são fracas ai é que se tornam fortes ,porque é nesse momento que DEUS entra em ação com uma nova proposta nova de vida. A todas o meu carinho como mãe,mulher,profissional,cristã,culinária,decoradora,ambientalista,artista...e acima de tudo uma mulher que foi chamada para a vida no grande intuito de ser em DEUS .... uma mulher resiliente ...
Sejam Bem Vindas(os)!!!

OBS: Todas as imagens postadas em meu blogger são extraídas da internet por favor,caso alguma tenha direitos autorais me avisem via e-mail e estarei retirando-as. marcilene_gomes@yahoo.com.br.

domingo, 10 de julho de 2011

malu mula mulher


Por que as mulheres agüentam tanta loucura de homem?...
Por que mulheres boas, lindas, inteligentes, independentes, solteiras ou livres caso desejem, apesar disso, adotam um homem, um sacana, um aproveitador, um escorão, um progenitor que além de sêmen nada tem..., um macho somente reconhecível pela existência do pinto..., um bobão que só fala de futebol, ou da cerveja como assunto..., ou do carro como troféu..., ou do trabalho como sentido da vida..., ou do salário como validador do sucesso..., ou de livros como se fossem concorrentes..., ou de reflexão como "coisa de mulherzinha"...?...
Sim, por quê?...
E pior:...
Por que as mulheres em geral se apaixonam justamente pelos homens que fazem sofrer?...
Noto cada vez mais que o padrão de paixão feminino mudou...
Agora as paixões olham perfis e a capacidade do cara se vender conforme o mito da expectativa feminina...
As mulheres estão se apaixonando cada vez mais por homens atores...
E mais:...
Quanto mais surtado, mais ciumento, mais capaz de rodar a baiana..., mais capaz de bater de paixão, de espancar por “amor”, de babar de raiva, de fazer sexo como quem agride de desejo, como quem diz "Ou você é minha ou não será de mais ninguém"... — mais desejado o maluco será; e mais louca como uma égua no cio tal mulher escrava da loucura como amor se tornará...
Para esse tipo de mulher... homem bom é homem arriscado... é homem impossível... é homem proibido... é homem moleque e leviano...
E mais:...
doença dos perfis também cria outro subproduto... Sim, o produto é uma expectativa inatingível...
Sim, por razões que somente a ela cabem saber..., a mulher prefere a impossibilidade gostosa à verdade disponível...
No entanto, como ela não se aprecia, ela inventa um perfil, o qual falsifica a aparência física dela, embora capriche nas descrições de quem seja a pessoa; ou seja: de quem a mulher quer ser, embora ela não seja...
Assim, como ela agora está linda no perfil, julga que o perfil lhe trará um homem lindo...
Então, em algum chat da vida, ela encontra alguém...
Assim, inicia-se uma câmara de mentira e fantasia...
Até que o cara venha e veja...
Ora, já que ele fez a viagem, ele come...
Como e vai...
Limpa a boca e não aparece mais...
E assim vão as mulheres...
Outro perfil...
Quem sabe outro cara...
Além disso, há os casos presenciais...
Entretanto, o mesmo fenômeno está presente...
Sim, quase todas as mulheres querem um homem de novela...
Ora, os homens de novela são uma novela...
Não dará certo, mas ela será comida mais uma vez...
Então a mulher se frustra de novo...
Muitas falam comigo...
Digo que elas têm expectativas fantasiosas...
Informo sobre a existência de homens legais e bons...
Mas as mulheres não se interessam...
Dizem que falta charme...
Falta "pegada"...
Falta loucura agressiva na cama...
Falta cara de homem de novela...
Apresento gente boa...
Mas gente boa não serve...
Parece que as mulheres preferem cada vez um bom risco de desgraça do que uma boa chance de sucesso relacional...
Para cada 10 cartas de mulheres que recebo reportando problemas afetivos ou relacionais, saiba: sete a cartas nada mais me dizem além do fato que a mulher escolheu como quis e porque quis, e, depois, diz ter se surpreendido com o óbvio...
Encontrou o cara no adultério, e quer fidelidade; encontrou o cara na paquera leviana, e depois quer sobriedade; encontrou o cara na casualidade, depois quer compromisso e sentido; encontrou o homem como se fora um menino, e, depois, quer que o homem vire um sábio...
Encontram alguém, e para encontrarem-se têm que mentir, mas depois de um tempo a mulher me escreve dizendo que não entende como seu companheiro mente e engana tanto...
No passado as mulheres eram mais realistas, apesar de todas as limitações sociais e econômicas que condicionavam as suas vidas frequentemente ao que não desejavam como casamento...
Mas o senso de realidade era tão maior, que, apesar disso, muitas mulheres com tais limitações ainda encontravam vínculos muito melhores...
E por quê?...
Ora, é porque não havia fantasia...
Hoje as mulheres buscam fantasia, não relacionamentos...
E pior: ficará ainda bem pior!...
Mas que me espanta, creia, me espanta...
Sim, assusta ver como a preferência é pela possibilidade da tragédia, desde que o cara tenha qualquer charme novelesco...
E depois ainda tem gente que me escreve e me pergunta: “Caio, onde estava Deus que me deixou amar esse maluco?”
Ora, minha resposta é uma só...
“Deus estava sendo Deus, deixando você ser você no exercício da sua loucura!’...
Cometa a sua loucura...
Ela é sua...
Mas tenha a dignidade de dizer:
“Eu gosto de apanhar... Adoro o risco de uma safadeza... Não temo ser usada e descartada... Valerá a pena, mesmo que seja apenas umas transadas sem significado...”
Melhor essa honestidade do que colocar fogo nos seios e ficar escandalizado com o fato de que as vestes se incendiaram...
O que não dá é para semear espinhos e ficar com raiva da vida quando somente nascerem espinhos e não uvas!...
Quer morrer de apanhar?...
Quer ser usada e esgarçada para além do que sua alma agüente arreganhar-se?...
Quer gozar como quem come a última refeição?...
É problema seu!...
O que você não pode é perguntar:
“Deus! Por quê?”
A menos que você queira que Deus diga:
“Se enxergue sua mula!”...
Pense nisso...; e não reclame mais; ou, se reclamar, melhor será se esbofetear até se auto-nocautear!...

Caio
22 de setembro de 2009
Lago Norte
Brasília

TRADUTOR